Connect with us

Serviços

Alpha Serviços: A importância da revisão dos filtros automotivos e palhetas para as viagens de férias

Published

on



Itens ajudam a garantir a segurança, o bom funcionamento do veículo e a visibilidade durante condições climáticas adversas


Com a proximidade das férias, a atenção dos motoristas volta-se à programação das viagens. Para aqueles que vão pegar a estrada, a realização da revisão veicular é importante tanto para garantir a segurança quanto para o bom desempenho do veículo.

Entre os componentes fundamentais a serem verificados, estão os filtros de ar, óleo, combustível e de cabine, itens que nem sempre são pontos de atenção dos motoristas. É preciso estar preparado também para eventuais chuvas durante o percurso, e isto requer que as palhetas do limpador do para-brisa estejam funcionando perfeitamente para evitar riscos de acidentes.

Plinio Fazol, gerente de Marketing e de Desenvolvimento de Novos Produtos da Tecfil, explica que, se as borrachas das palhetas permanecem muito tempo sem uso ou expostas ao sol e à poeira, elas se ressecam e, consequentemente, embaçam os vidros, além de prejudicarem a visibilidade e gerarem ruído.

“Por isso, devem ser substituídas para evitar danos aos vidros e garantir a segurança do motorista e dos passageiros”, alerta. Embora o intervalo de substituição das palhetas possa variar conforme o clima e as condições de uso, recomenda-se trocá-las no prazo de seis meses a um ano.

Já sobre os filtros, Fazol lembra que são componentes vitais para o funcionamento de todo o conjunto, garantindo tanto a eficiência do motor quanto a segurança nas estradas. “Priorizar essa manutenção contribui também para a longevidade do motor e dos demais componentes do carro, além de garantir a qualidade do ar no interior do veículo.”

O filtro de ar é responsável por filtrar as impurezas presentes no ar que chegam ao motor. Sua limpeza e substituição, respeitando o manual do veículo, garante a combustão adequada, melhora o desempenho do veículo e reduz o consumo de combustível. Por outro lado, sintomas de um filtro de ar deteriorado incluem perda de potência, aumento no consumo de combustível e emissão de gases poluentes.

Já o filtro de óleo é vital para a saúde do motor, pois retira partículas indesejadas do óleo lubrificante. Se negligenciado, um filtro de óleo sujo pode comprometer a lubrificação e levar a um desgaste prematuro do motor. “Sintomas de problemas no filtro de óleo incluem, entre outros aspectos, o aumento da temperatura do motor, a redução da potência, a ocorrência de ruídos metálicos e a pressão do óleo reduzida”, diz Fazol.

Também o filtro de combustível requer atenção, pois é um guardião contra impurezas que podem entrar no sistema de combustão do veículo. Manter esse filtro em bom estado evita obstruções que prejudicam o desempenho do motor e reduzem a eficiência do combustível. Sintomas de mau funcionamento incluem hesitação durante a aceleração, perda de potência e falhas no motor.

O filtro de cabine, por sua vez, é responsável por garantir a qualidade do ar no interior do veículo. Além de proporcionar um ambiente mais saudável, contribui para o desempenho do sistema de ventilação. “Um filtro de cabine saturado pode resultar em ar-condicionado menos eficiente e desconforto para os ocupantes, além de favorecer o acúmulo de bactérias e partículas prejudiciais à saúde”, conclui Fazol.